banner

Por Olimpio Araujo Junior | Founder - GestordeMarketing

Cada vez mais gestores e executivos de marketing estão perdendo seus empregos e encontrando dificuldades para se recolocar no mercado, e isso não tem nada a ver com a crise, muito menos com falta de vagas no setor, que é essencial dentro de qualquer empresa.

Uma recente pesquisa da Russell Reynolds Associates revela que CMOs (Chief Marketing Officer), estão sendo demitidos pelas empresas como nunca nos EUA, e sendo substituídos por profissionais especializados em mídias digitais. Isso também já acontece no Brasil há alguns anos, e atinge profissionais de marketing, de comunicação e de publicidade em todos os níveis e funções.

Empresários e CEOs enfim descobriram o que não é mais novidade para ninguém, que o marketing digital é essencial na vida das suas empresas, e não estão encontrando em seus atuais gestores de marketing o perfil profissional idealmente preparado para esse novo desafio.

O setor de varejo aparece no estudo como o que mais dispensou profissionais de marketing ultimamente. A pesquisa aponta que 48% dos 30 maiores varejistas dos EUA mandaram embora seus CMOs nos últimos 12 meses. 62% das empresas que trocaram seus CMOs nos últimos 12 meses substituíram a posição com alguém de fora, com qualificações de conhecimento digital consideradas superiores aos antigos donos do cargo.

Em um mundo cada vez mais conectado, consumidores compram cada vez mais on-line, e mesmo quando compram em lojas off-line, pesquisam antes de comprar pela web. A internet se tornou o mais importante canal de comunicação e de comercialização para produtos e serviços de todos os setores, e quem não está presente pode estar com seus dias contados.

Outro fator importante é a necessidade cada vez maior do acompanhamento de ROI nas ações de marketing, o que faz com que as ações sejam cada vez mais eficientes e com um melhor retorno para os anunciantes, e que não era possível em mídias tradicionais.

O mercado digital não para de crescer no Brasil, segundo as pesquisas da Webshoppers, realizadas pela e-Bit Empresa desde 2006, as vendas pela web crescem entre 20 a 30% todos os anos, com crise ou sem crise.

Atualmente não existem mais desculpas para que o profissional da área não esteja capacitado para este mercado. É cada vez mais fácil encontrar conteúdo sobre o tema na web, através de artigos, vídeos, e-books e até podcasts, além de livros e inúmeros treinamentos on-line e presenciais, cada vez mais acessíveis a todos Não existe mais lugar para amadores neste mercado, e cada vez mais não existe lugar para quem não está capacitado.

Compartilhe:

Comentarios

Comentarios